Semana do Natal. Reflexão.

Fotografia: de bem com a vida em Oslo, Noruega.

Leitor(a) amigo(a),

Jesus fez da prática das virtudes condição expressa de salvação.

E sem dúvida Ele tratou os diferentes de seu tempo com tanto amor e igualdade que escandalizou os escribas e os fariseus hipócritas.

Pense nisso!

Jesus disse claramente para não julgarmos (Mateus 7:1).

“O que possuímos são verdades relativas que precisam ser estimuladas passo a passo ao progresso para lentamente diminuirmos a longa distancia que nos separa do Criador. Acreditar que toda a filosofia espiritual já foi descoberta, ou ditada por determinado guru ou líder religioso, é escravizar-se à ignorância.” Hermes.

“A dificuldade não está em aceitar novas ideias, mas em se libertar das velhas.” John Maynard Keynes.

“Para mim, as diferentes religiões são lindas flores, provenientes do mesmo jardim. Ou são ramos da mesma árvore majestosa. Portanto, são todas verdadeiras.”. (Mahatma Ghandi)

Conecte-se com o seu templo interior: o seu coração contrito em Deus. Ele te dirá, em qualquer situação, o caminho a seguir! Sua  consciência é livre e te autoriza a arbitrar sobre seus pensamentos, ideias, palavras e atos,  contudo, lembremo-nos do aforismo grego “conhece-te a ti mesmo”, pois o  autoconhecimento é condição essencial para a conquista da paz interior, autoconfiança, autoestima, equilíbrio emocional…

Ser livre é seguir a própria consciência em um processo sincero de busca do autoconhecimento e da espiritualidade, como propõe o Universalismo Crístico.

Boa reflexão e muita paz!

Marlene Oliveira

Share

Qual a melhor religião? Dalai Lama


Breve diálogo entre o teólogo brasileiro Leonardo Boff e o Dalai Lama.

 

Leonardo Boff explica:
“No intervalo de uma mesa-redonda sobre religião e paz entre os povos, na qual ambos (eu e o Dalai Lama) participávamos, eu, maliciosamente, mas também com interesse teológico, lhe perguntei em meu inglês capenga:
– “Santidade, qual é a melhor religião?”
(Your holiness, what`s the best religion?)
Esperava que ele dissesse:
“É o budismo tibetano” ou “São as religiões orientais, muito mais antigas do que o cristianismo.”
O Dalai Lama fez uma pequena pausa, deu um sorriso, me olhou bem nos olho – o que me desconcertou um pouco, por que eu sabia da malícia contida na pergunta – e afirmou:
“A melhor religião é a que mais te aproxima de Deus, do Infinito. É aquela que te faz melhor.”
Para sair da perplexidade diante de tão sábia resposta, voltei a perguntar:
– “O que me faz melhor?”
Respondeu ele:
-“Aquilo que te faz mais compassivo”.
(e aí senti a ressonância tibetana, budista, taoísta de sua resposta), aquilo que te faz mais sensível, mais desapegado, mais amoroso, mais humanitário, mais responsável…Mais ético… A religião que conseguir fazer isso de ti é a melhor religião…”
Calei, maravilhado, e até os dias de  hoje estou ruminando sua resposta sábia e irrefutável…
Não me interessa amigo, a tua religião ou mesmo se tem ou não tem religião. O que realmente importa é a tua conduta perante o teu semelhante, tua família, teu trabalho, tua comunidade, perante o mundo…
Lembremos:
“O Universo é o eco de nossas ações e nossos pensamentos”.
A Lei da Ação e Reação não é exclusiva da Física.
Ela está também nas relações humanas.
Se eu ajo com o bem, receberei o bem.
Se ajo com o mal, receberei o mal.
Aquilo que nossos avós nos disseram é a mais pura verdade: “terás sempre em dobro aquilo que desejares aos outros”.
Para muitos, ser feliz não é questão de destino… É de escolha. Pense nisso”…

Querido(a) leitor,

Acredito que Dalai Lama, mente aberta e vasta cultura, leu o livro O Evangelho Segundo o Espiritismo,  publicado no ano de 1864 e muito lido até os dias atuais porque, no Capítulo 8, nº10, o autor Allan Kardec afirma que:  “toda religião que não torna melhor o homem, não alcança o seu objetivo.”.

Muita paz,

Marlene Oliveira


Share

Regras áureas das 10 grandes religiões do mundo:

Cristianismo:
” Tudo quanto queres que os outros façam para ti, faze-o também para eles…”
Confucionismo:
” Não faças ao outros aquilo que não queres que eles te façam. “
Budismo:
” De cinco maneiras um verdadeiro líder deve tratar seus amigos e dependentes: com generosidade, cortesia, benevolência, dando o que deles espera receber e sendo tão fiel quanto à sua própria palavra.”
Hinduísmo:
” Não faças aos outros aquilo que, se a ti fosse feito, causar-te-ia dor.”
Islamismo:
” Ninguém pode ser um crente até que ame o seu irmão como a si mesmo “
Sikhismo:
” Julga aos outros como a ti mesmo julgas. Então participarás do Céu. “
Jainismo:
” Na felicidade e na infelicidade, na alegria e na dor, precisamos olhar todas as criaturas assim como olhamos a nós mesmos. ”
Zoroastrismo:
” A Natureza só é amiga quando não fazemos aos outros nada que não seja bom para nós mesmos.”
Taoísmo:
” Considera o lucro do teu vizinho como teu próprio e o seu prejuízo como se também fosse teu. “
Judaísmo:
” Não faças ao teu semelhante aquilo que para ti mesmo é doloroso. ”
Share

A Mensagem Crística Já Venceu Em Todo O Mundo!

“Tenho ainda outras ovelhas que não são deste aprisco; é preciso que também a essas eu conduza; elas escutarão a minha voz e haverá um só rebanho e um único pastor.” (João, 10:16.)

Querido(a) leitor(a),

A mensagem crística já venceu em todo o mundo.

Entendi que não se trata de esta ou aquela religião conquistar adeptos mundialmente.

Os grandes mensageiros de Deus no mundo não fundaram religiões.

Jesus se refere à sua mensagem, cuja essência é “O amor ao próximo como a si mesmo buscando cultivar as virtudes crísticas de forma verdadeira e incondicional refletindo diretamente o amor do próprio Criador.” (UC)

Comparem, que interessante:

“Bem-aventurados os que temem magoar outrem por pensamento, palavras e obras.” (Sufismo)

“A natureza só é amiga quando não fazemos aos outros nada que não seja bom para nós mesmos.” (Zoroastro)

“Na felicidade e na infelicidade, na alegria e na dor, precisamos olhar todas as criaturas assim como olhamos a nós mesmos.” (Mahavira)

“Julga aos outros como a ti julgas. Então participarás dos céus.” (Sikhismo)

“Ninguém pode ser crente até que ame seu irmão como a si mesmo.” (Maomé)

“De cinco maneiras um verdadeiro líder deve tratar seus amigos e dependentes: com generosidade, cortesia, benevolência, dando o que deles espera receber e sendo tão fiel quanto sua própria palavra.” (Buddha)

“Não faças aos outros aquilo que não queres que eles te façam”. (Confúcio)
“Considera o lucro de teu vizinho como o teu próprio e seu prejuízo como se também fosse teu.” (Lao-Tsé)

“Não faças ao teu semelhante aquilo que para ti mesmo é doloroso.” (Lei Judaica)

“Não faças aos outros aquilo que, se a ti fosse feito, causar-te-ia dor.” (Hinduísmo)

E, finalmente:

“Tudo quanto quereis que os homens vos façam, fazei-o também a eles.” (Jesus)

Estas frases, assim organizadas, encontrei em um livro espírita, psicografado por Norberto Peixoto, de autoria do espírito Ramatís. Elas nos mostram como são semelhantes as religiões.

Desse modo, tendo alcançado todos os povos, a mensagem de Jesus Cristo, que é a mesma de Buda, Maomé e tantos outros acima citados, é a mensagem já espalhada para toda a humanidade.

Obrigada pela visita! Paz e bem!

Marlene Oliveira

Share